Número de usuários de celular no mundo chegou a 6 bilhões em 2011, diz ONU

No final de 2011, o ITU (agência de telecomunicações da ONU) contabilizou que havia no mundo 6 bilhões de assinantes de telefonia móvel – isto é quase a população do planeta, que tem 7 bilhões de pessoas. As informações foram divulgadas pelo próprio órgão na quinta-feira (11) em Genebra (Suíça).

Segundo o ITU, o país com o maior número de linhas de telefonia móvel é a China. Só o país conta com 1 bilhão de assinantes. De acordo com o órgão, a próxima nação a atingir a marca é a Índia, que deve chegar ao mesmo patamar da China no fim deste ano. O maior crescimento na base de assinantes ocorreu em países desenvolvidos: essas nações tiveram crescimento de 600 milhões de assinantes comparado a 2010.

Em um ranking do ITU, o Brasil aparece na 64ª posição no desenvolvimento de TICs (Tecnologias da Informação e Comunicações). Apesar de ter crescido relativamente, diz o órgão, os preços dos serviços de comunicação de países em desenvolvimento são muito caros. No fim de 2011, o preço de um pacote mensal de serviços básicos de banda larga fixa representava mais de 40% do PIB mensal per capita – contra apenas 1,7% de economias desenvolvidas. Quem lidera o ranking é a Coreia do Sul.

Internet

Já o número de usuários de internet no mundo é bem menor comparado aos de telefonia móvel. A agência, que fica baseada em Genebra, contou no fim 2,3 bilhões de pessoas no fim de 2011 que usam a internet no mundo – ou seja, aproximadamente, um em cada três habitantes da Terra, já navegou na rede de computadores. No entanto, há uma grande disparidade entre países ricos e nações desenvolvidas.

Dados do órgão informam que a rede ainda é “elitista”, pois 70% dos usuários que usam a internet são ricas e moram em países industrializados. Apenas 24% dos internautas vivem em nações pobres ou desenvolvidas.

Conexões à internet

O balanço da internet mundial do ITU mostrou também que cresceu consideravelmente o número de acessos de banda larga fixa. De 530 milhões em 2010 para 600 milhões em 2011. O número do ano passado representa uma penetração global de 8,5% da rede.

Apesar da alta de banda larga cabeada, o tipo de internet mais utilizado no mundo é a móvel. Segundo o órgão, no fim de 2011, elas representaram o dobro de conexões da internet fixa – aproximadamente 1,2 bilhão de pessoas. A conexão móvel foi, inclusive, apontada como a mais acessível para ajudar países em desenvolvimento a aumentar a base de usuários.

Já em países ricos, aponta o levantamento, o preço da internet banda larga é acessível e não há grandes diferenças de custo para o usuário ao escolher entre internet fixa ou móvel.

O relatório completo do ITU está disponível aqui (em inglês).

Fonte: UOL Tecnologia

Share
Esta entrada foi publicada em Comportamento e marcada com a tag , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 + oito =