32 milhões de brasileiros compraram via internet em outubro

Os sites de comércio eletrônico chegaram a 32,3 milhões de usuários únicos. em outubro O maior aumento ocorreu nas lojas de varejo, que atingiram 27,5 milhões de pessoas, ou 58,8% do total de usuários ativos do mês. Sites de lojas de calçados, roupas e outros acessórios de moda estiveram entre os principais responsáveis pelo aumento da navegação no comércio eletrônico em outubro. Em setembro, 8,2 milhões de pessoas navegaram nas dez maiores lojas online de calçados. O número subiu para 10,5 milhões, segundo dados do Ibope.

As categorias com maior aumento percentual em relação ao mês anterior no número de usuários únicos foram Governo e Entidades sem Fins Lucrativos, com crescimento de 6,4%, Informações Corporativas, com aumento de 5,4%, Finanças, Seguros e Investimentos, que também cresceu 5,4%, e Comércio Eletrônico, que aumentou 4,6%. Entre os sites do governo, cresceu em outubro principalmente a procura por informações sobre o Enem e sobre tributos.

As lojas eletrônicas de calçados também estão entre as que mais anunciam na internet, segundo o serviço de monitoramento da publicidade online AdRelevance, do IBOPE Nielsen Online. Dos dez maiores anunciantes em quantidade de banners veiculados em outubro de 2011, três eram varejistas do segmento de calçados. Juntos, os três maiores anunciantes online do setor de calçados foram responsáveis por mais de 1.300 diferentes banners publicitários no mês.

O número total de usuários ativos de internet cresceu em outubro, segundo o IBOPE Nielsen Online. Das 61,2 milhões de pessoas com acesso em casa ou no local de trabalho, 46,7 milhões foram usuários ativos em outubro, o que significou um crescimento de 0,8% em relação ao mês de setembro e de 11,9% sobre os 41,7 milhões de outubro de 2010.

O total de brasileiros com acesso em qualquer ambiente (domicílios, trabalho, escolas, lan houses ou outros locais) atingiu 78,5 milhões de pessoas no terceiro trimestre de 2011. Esse número representou um crescimento de 6% sobre o terceiro trimestre de 2010 e de 18% sobre o terceiro trimestre de 2009.

Fonte: AdNews

Share
Esta entrada foi publicada em Internet. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × cinco =